RADIO GESSO

>

segunda-feira, 19 de setembro de 2016

PLANTÃO NO CARIRI

Por volta das 23h30min de sexta-feira, na Rua Vicente Ferreira Lima perto do Parque de Eventos (Tiradentes) em Juazeiro, Daniel Macedo Neves, de 19, o “Daniel Cagão” que residia na Rua Frei Damião naquele bairro, foi morto com um tiro na cabeça. Em julho, ele tinha sido vítima de dois atentados à bala tendo um deles como indiciado Joeilson Souza Landim e era suspeito de envolvimento em assaltos. Existe contra o mesmo um processo em segredo de justiça na Comarca de Juazeiro e a polícia soube que, antes de ser morto, ele discutiu com uma pessoa apelidada por “Dudu” no Bar Coco Verde no Parque Ecológico.

Já às 06h30min deste sábado morreu em um dos leitos do Hospital Regional do Cariri em Juazeiro o jovem Francisco Hemerson Alexandre da Costa, de 18 anos de idade, que residia no Sítio Taquari na zona rural de Jardim. O mesmo foi vítima de um acidente de trânsito quando caiu de sua motocicleta às 20h30min de sexta-feira, sendo socorrido ao HRC onde faleceu em virtude da gravidade dos ferimentos.

Às 16 horas deu entrada no Hospital São Vicente Férrer de Lavras da Mangabeira já sem vida a criança Maysa Geane dos Santos Lima, de 7 anos, que residia no Sitio Cantinho na zona rural daquele município. Segunda a mãe dela, Maria Marciana Amorim dos Santos, sua filha brincava com outra criança na casa vizinha quando um banco de madeira caiu sobre a mesma. Familiares trataram de socorrê-la, mas a menor morreu a caminho do hospital.

Cerca de uma hora depois ainda neste sábado Francisca Cerlange Brito Mariano, de 42 anos de idade, foi encontrada morta em sua casa na Rua Pedro Henrique de Souza (Bairro Leandro Bezerra) em Juazeiro do Norte. Segundo informações colhidas no local, ela teria praticado o suicídio ao ingerir medicamentos.

Por volta das 23 horas deste sábado, no Sítio Patos na zona rural de Caririaçu, Cícero Arinaldo Gomes de Sales, de 32 anos, que residia no Sítio Novo na zona rural daquele município, foi morto a tiros. Um único processo que envolve o nome dele na Comarca de Caririaçu é de uma ação de cobrança da diferença do seguro obrigatório do DPVAT protocolada em abril deste ano.

Já às 9 horas deste domingo morreu em um dos leitos do Hospital Regional do Cariri em Juazeiro uma jovem de 20 anos após ser atropelada por uma moto, cujo piloto fugiu. O acidente aconteceu no final da madrugada e ela foi socorrida em uma ambulância do SAMU ao HRC, mas morreu pouco tempo depois em virtude de traumatismo craniano. O corpo se encontra no IML sem identificação já que não possuía documentos.

Três horas e meia depois o comerciante Ronaldo Feliciano Gonçalves, de 37 anos, o “Naldo”, foi morto a tiros em seu mercantil e residência na Rua Pio Sampaio, 04 perto do estádio Inaldão no bairro Bela Vista em Barbalha. Ali chegaram dois homens numa moto Honda Bros de cor vermelha e mandaram o mesmo entregar a filha que estava no seu colo à companheira antes de efetuar os disparos. Além do mercantil, Naldo comprava e vendia veículos e não tinha passagens pela polícia.

Finalmente, às 23h30min horas deste domingo uma colisão de motos, na CE-497 entre Jati e o Posto da SEFAZ, deixou o saldo de dois mortos e três feridos. No local faleceram João Guilherme da Silva, de 17 anos, que residia na Vila Carnaúba II e Helen Maria Ferreira Santos, de 15 anos, que, também, residia em Jati. Outras três pessoas foram socorridas para o Hospital Geral de Brejo Santo.

FONTE -MISERIA

Nenhum comentário:

Postar um comentário