segunda-feira, 17 de outubro de 2016

Rádio do Ceará de luto


Carlos Fred passou mal por volta de 3h da manhã. Foi levado ao Hospital Antônio Prudente, onde teve uma parada cardíaca e não resistiu.  O radialista será velado no Grêmio Recreativo do Antônio Bezerra (GRAB), no bairro Antônio Bezerra, próximo ao Estádio Antony Costa. O sepultamento, que antes estava marcado para esta segunda-feira (17), foi adiado para esta terça-feira (18).

Carlos Frederico Costa Carneiro apareceu para o jornalismo esportivo em 1969, na Rádio Dragão do Mar. De lá, construiu carreira de sucesso em várias emissoras, como a Rádio Uirapuru, Rádio Cidade, Ceará Rádio Clube e Rádio Verdes Mares, onde cobriu, ao lado deTom Barros, as Copas de Mundo de 1986, 1990, 1994 e 1998.

Ele também trabalhou como comentarista esportivo na TV Diário. Atualmente, Carlos Fred estava na Rádio Tribuna Band News.

Narração histórica

Um dos momentos épicos da carreira de Carlos Fred aconteceu no dia 11 de dezembro de 2004. O Fortaleza necessitava de apenas um gol, contra o Avaí, para subir para a primeira divisão. Escanteio para o Tricolor. Antevendo o lance histórico, Carlos Fred disse que aquele poderia ser o gol de Ronaldo Angelim. E foi. Confira como ele contou este momento:



Nenhum comentário:

Postar um comentário