RADIO GESSO

>

segunda-feira, 24 de julho de 2017

PLANTÃO POLICIAL

Por volta das 18 horas foi encontrado o corpo do aposentado Antonio Procópio da Silva, de 90 anos, que residia no Sítio Brejinho na zona rural de Barbalha, apresentando inchaços no rosto, braços e nas mãos. O agricultor tinha saído de casa, naquela localidade, para cortar o galho de uma árvore e não percebeu que ali existia um enxame de abelhas as quais o atacaram no momento em que “Seu Antonio” atingiu os animais silvestres com a foice.

Duas horas e meia depois, no Sitio Catingueira em Lavras da Mangabeira, o agricultor Cícero José Vieira de Souza, de 43 anos, o “Cícero Gato” que residia na localidade, foi morto a golpes de foice. Ele estava bebendo mais três pessoas quando houve desentendimento e luta corporal com Manoel Iraildo Tomaz Pereira, de 33 anos, o qual foi atingido com um soco no olho direito e matou o seu colega de farra, sendo preso momentos após em sua casa.

Já às 22 horas morreu no Hospital Santo Antonio de Barbalha a criança Lays Lima Ferreira Gomes, de 1 ano, que residia na Rua Coronel Luíz Teixeira (Bairro Seminário) em Crato. Momentos antes, ela brincava na sala de sua casa quando teria tentado subir numa cômoda onde estava um aparelho de TV dos antigos e este caiu por sobre a mesma. Com suspeita de traumatismo craniano, a vítima foi socorrida pelo SAMU ao hospital barbalhense, mas faleceu em virtude da gravidade dos ferimentos.

Às 18 horas de sábado morreu no Hospital Regional do Cariri o Soldado da Polícia Militar, Edinaldo Nasioseno do Nascimento, de 36 anos, que era lotado no Batalhão de Ouricuri (PE), mas residia na Rua Domingos Sávio (Timbaúbas) em Juazeiro. Na madrugada do dia 16 de julho, ele pilotava sua moto quando bateu na cabine de um caminhão abandonada na Avenida Carlos Cruz no bairro Juvêncio Santana. O Soldado Naldo caiu do veículo e foi socorrido ao HRC, onde, sexta-feira, foi diagnosticada sua morte cerebral.

Uma hora depois, no cruzamento das avenidas Virgílio Távora e Deputado Duarte Júnior (Aeroporto) em Juazeiro, houve uma colisão de carros resultando nas mortes de Maria Angelita da Silva, de 69, sua filha a professora Socorro Lucilene Marques Silva, de 41, a “Leninha” e o filho Cícero Alexandre da Silva, de 37 anos, que moravam na Rua João Rocha no bairro Pedrinhas. Este último dirigia um veículo Gol de cor vermelha que foi violentamente colhido por um Passat Villace LS de cor bege guiado por Gleyson Wesley Soares Rocha, de 25 anos, residente em Fortaleza, o qual está internado no HRC sob escolta da PM.

Por volta das 19 horas, na BR-116 perto do Posto Fiscal da Sefaz em Barro, houve um acidente de trânsito com vítima fatal. Josivan de Souza Oliveira, de 33 anos, residia no Distrito de Monte Alegre naquele município e pilotava sua moto Honda Fan de cor preta e placa MOB-9331. Ele tentou ultrapassagem e bateu no pára-choque de um caminhão morrendo no local com a perna e o rosto esmagados. O garupeiro Francisco Pereira da Silva, de 38 anos, foi socorrido ao hospital, enquanto o motorista do caminhão seguiu viagem.

FONTE-MISERIA

Nenhum comentário:

Postar um comentário