terça-feira, 22 de maio de 2018

HOMICÍDIO NA CIDADE DE LAVRAS DA MANGABEIRA

Quase três semanas após um novo homicídio foi registrado em Lavras da Mangabeira se constituindo no segundo do mês de maio e o quinto de 2018 no município ou 41,66% em relação aos 12 assassinatos registrados no decorrer do ano passado. Por volta das 07h30min o agricultor Andrei Germano de Medeiros, de 42 anos de idade, foi executado com um tiro de espingarda de grosso calibre.

O crime aconteceu no Sítio Espraiado onde o mesmo residia e, por enquanto, o caso encontra-se envolto em mistério. O corpo de Andrei foi recolhido pelo rabecão para ser necropsiado na Perícia Forense de Juazeiro do Norte e policiais militares do Destacamento de Lavras da Mangabeira, sob o comando do Sargento Xavier, estão diligenciando à procura dos acusados que fugiram numa motocicleta.

O outro homicídio deste mês em Lavras da Mangabeira tinha ocorrido na manhã do dia 2 com o achado, em um matagal às margens da BR-230 no Sítio Carnaubinha (Distrito de Mangabeira), do cadáver do ex-presidiário Cícero Dourado França, de 42 anos, o "Cícero da Pazinha". Ele morava na Rua Horácio Tavares, 20 (Bairro Cruzeiro) e apresentava marcas de perfurações à bala. A vítima respondia por crimes de tráfico de drogas, assaltos, formação de quadrilha e tinha sido raptada na anterior de sua casa.

Fonte-Miseria


Nenhum comentário:

Postar um comentário