Usuarios On-line


domingo, 18 de abril de 2021

Morre doutor pesquisador Gilmar de Carvalho



O professor, jornalista, redator publicitário, escritor, doutor e pesquisador Francisco Gilmar Cavalcante de Carvalho (foto), de 72 anos, morreu, na madrugada deste domingo (18 de abril), após 29 dias internado numa Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Regional da Unimed Fortaleza, com covid-19.

Gilmar de Carvalho foi meu professor no Curso de Jornalismo de Universidade Federal do Ceará (UFC).

Lembro de uma cena em sala de aula, no Centro de Humanidades do Campus do Benfica. Gilmar de Carvalho estreava como professor na nossa turma 1983.1. Uma estudante atrapalhava sua aula e ele calmamente pediu para ela deixar a sala para que pudesse conversar com a turma. Ela atendeu e ficou prestando  atenção a aula-conversa. Aliás todas as aulas de Gilmar para minha turma eram conversas sábias.

O penúltimo boletim médico de Gilmar de Carvalho apontava:

- Paciente grave. Sedado. Continua precisando melhorar a oxigenação do pulmão, que está muito inflamado. Fazendo uso de antibióticos e alto fluxo de ventilação mecânica".

Biografia - Francisco Gilmar Cavalcante de Carvalho nasceu em Sobral em 1949. Fez doutorado em Comunicação e Semiótica pela Pontifícia Universidade Católica (PUC) de São Paulo. 

No Curriculum Lattes de Gilmar de Carvalho está:

- Bacharel em Direito pela Universidade Federal do Ceará (1971) e em Comunicação Social (1972) pela mesma Universidade. Mestre em Comunicação Social, pela Universidade Metodista de São Paulo (1991). Doutor em Comunicação e Semiótica, pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1998). Sua área de interesse é o das relações entre a Comunicação e a Cultura. Professor do Departamento de Comunicação Social (de 1984 a 2010). Aposentado como Professor Associado Nível 2, em fevereiro de 2010.