Usuarios On-line


quinta-feira, 11 de março de 2021

Atualize o cadastro para o Auxílio Emergencial 2021


De acordo com informe da Caixa Econômica Federal (CEF), brasileiros que receberam o auxílio emergencial em 2020 deverão atualizar o seu cadastro no aplicativo Caixa Tem. O objetivo é diminuir as fraudes no pagamento da segunda fase do benefício. O processo iniciou nesta quinta-feira (11/03), e os beneficiários deverão realizar o processo de acordo com a data de aniversário.

  • A partir de 11 de março (quinta-feira): podem atualizar o cadastro os nascidos em janeiro e fevereiro;
  • A partir de 12 de março (sexta-feira): podem atualizar o cadastro os nascidos em março e abril;
  • A partir de 15 de março (segunda-feira): podem atualizar o cadastro os nascidos em maio e junho;
  • A partir de 16 de março (terça-feira): podem atualizar o cadastro os nascidos em julho e agosto;
  • A partir de 17 de março (quarta-feira): podem atualizar o cadastro os nascidos em setembro e outubro;
  • A partir de 18 de março (quinta-feira): podem atualizar o cadastro os nascidos em novembro e dezembro.

Para fazer a atualização cadastral, é necessário acessar a conversa “Atualize seu cadastro” no aplicativo e enviar os documentos que serão solicitados: uma foto (selfie) e documentos pessoais (RG, CPF e comprovante de endereço). A Caixa salienta que o envio deverá ser realizado totalmente pelo celular e não há necessidade de comparecer a uma agência bancária.


Lançamento do aplicativo CAIXA|Auxílio Emergencial

Obrigatoriedade

Segundo a CEF, quem não fizer a atualização nesta etapa ainda vai receber o benefício normalmente. Porém, ao longo dos meses a condição pode se tornar obrigatória para receber o benefício. Somente em 2020 foram mais de 105 milhões de contas poupança digital abertas promovendo a inclusão de 35 milhões de brasileiros que não possuíam ainda uma conta bancária.  Para quem teve acesso ao benefício no ano passado, as nova parcelas devem ser creditadas na mesma conta do aplicativo.

Ainda aguardando a aprovação da PEC Emergencial no Congresso Nacional para divulgar todos os detalhes da volta do Auxílio Emergencial, o Governo Federal já concedeu algumas informações sobre o valor do benefício em 2021. Conforme afirmou o ministro da Economia, Paulo Guedes, o auxílio começará a ser pago em março, sendo quatro parcelas  que vão variar entre os valores de de R$ 175 a R$ 375.