Usuarios On-line


terça-feira, 11 de maio de 2021

Calendário auxílio emergencial 2021: veja datas de pagamento da segunda parcela



A segunda parcela do Auxílio Emergencial de 2021 começará a ser paga no próximo domingo, 16 de maio. A informação foi dada pela Caixa Econômica Federal (CEF) em live realizada na quinta-feira, 6 de maio. 
Em 16 de maio, receberão o valor na Poupança Social da Caixa, pelo aplicativo Caixa Tem, quem se cadastrou pelo Cadastro Único do Governo Federal (CadÚnico), pelo aplicativo ou pelo site do auxílio emergencial, que tenha nascido em janeiro. Nos dias seguintes, os pagamentos seguirão o mês de nascimento do beneficiário. Nascidos em dezembro são os últimos a receber o valor, em 16 de junho.
Da mesma forma, a liberação dos valores para saque e transferência começa em 8 de junho para nascidos em janeiro e segue a ordem do mês de nascimento, com aniversariantes de dezembro tendo o valor liberado em 8 de julho. Para a primeira parcela do auxílio emergencial de 2021, o calendário de saques começou na última sexta-feira, 30 de abril.
Para beneficiários do Bolsa Família, o pagamento segue um calendário próprio, com base no último dígito do Número de Identificação Social (NIS). Para estas pessoas, o valor é liberado para saque imediatamente, e as datas vão de 18 de maio (NIS final 1) a 31 de maio (NIS final 0).

Segunda parcela do auxílio emergencial 2021: calendário de pagamento (depósito na Poupança Social)

Nascidos em janeiro: 16 de maio
Nascidos em fevereiro: 19 de maio
Nascidos em março: 23 de maio
Nascidos em abril: 26 de maio
Nascidos em maio: 28 de maio
Nascidos em junho: 30 de maio
Nascidos em julho: 2 de junho
Nascidos em agosto: 6 de junho
Nascidos em setembro: 9 de junho
Nascidos em outubro: 11 de junho
Nascidos em novembro: 13 de junho
Nascidos em dezembro: 16 de junho

Segunda parcela do auxílio emergencial 2021: calendário de saques

Nascidos em janeiro: 8 de junho
Nascidos em fevereiro: 10 de junho
Nascidos em março: 15 de junho
Nascidos em abril: 17 de junho
Nascidos em maio: 18 de junho
Nascidos em junho: 22 de junho
Nascidos em julho: 24 de junho
Nascidos em agosto: 29 de junho
Nascidos em setembro: 1º de julho
Nascidos em outubro: 2 de julho
Nascidos em novembro: 5 de julho
Nascidos em dezembro: 8 de julho

Segunda parcela do auxílio emergencial 2021: calendário para beneficiários do Bolsa Família

NIS com final 1: 18 de maio
NIS com final 2: 19 de maio
NIS com final 3: 20 de maio
NIS com final 4: 21 de maio
NIS com final 5: 24 de maio
NIS com final 6: 25 de maio
NIS com final 7: 26 de maio
NIS com final 8: 27 de maio
NIS com final 9: 28 de maio
NIS com final 0: 31 de maio

O que é o auxílio emergencial?

O auxílio emergencial foi criado em abril do ano passado pelo Governo Federal para atender pessoas vulneráveis afetadas pela pandemia de covid-19. Ele foi pago em cinco parcelas de R$ 600 ou R$ 1,2 mil para mães chefes de família monoparental e, depois, estendido até 31 de dezembro de 2020 em até quatro parcelas de R$ 300 ou R$ 600 cada.
Neste ano, a nova rodada de pagamentos, durante quatro meses, prevê parcelas de R$ 150 a R$ 375, dependendo do perfil: as famílias, em geral, recebem R$ 250; a família monoparental, chefiada por uma mulher, recebe R$ 375; e pessoas que moram sozinhas recebem R$ 150.
Pelas regras estabelecidas, o auxílio será pago às famílias com renda mensal total de até três salários mínimos, desde que a renda por pessoa seja inferior a meio salário mínimo. É necessário que o beneficiário já tenha sido considerado elegível até o mês de dezembro de 2020, pois não há nova fase de inscrições. Para quem recebe o Bolsa Família, continua valendo a regra do valor mais vantajoso, seja a parcela paga no programa social, seja a do auxílio emergencial.
O calendário de liberação de saques é de acordo com o mês de aniversário do beneficiário. 

Primeira parcela do auxílio emergencial: calendário de saques (Mês de aniversário - Data em que o saque vai estar disponível)

Janeiro - 30 de abril
Fevereiro - 3 de maio
Março - 4 de maio
Abril - 5 de maio
Maio - 6 de maio
Junho - 7 de maio
Julho - 10 de maio
Agosto - 11 de maio
Setembro - 12 de maio
Outubro - 13 de maio
Novembro - 14 de maio
Dezembro - 17 de maio

Fonte: O POVO Online